Representação no Brejo: Buba Germano e Tião Gomes solicitam do comando geral da PM o fim das apreensões de motocicletas em Remígio e Areia - Portal Picuí Hoje-O seu portal de notícias

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

sexta-feira, 18 de outubro de 2019

Representação no Brejo: Buba Germano e Tião Gomes solicitam do comando geral da PM o fim das apreensões de motocicletas em Remígio e Areia

Os deputados estaduais Tião Gomes (Avante) e Buba Germano (PSB), solicitaram ao Comandante Geral da Polícia Militar da Paraíba, Coronel Euller de Assis Chaves,  uma especial atenção da PM, no sentido que a instituição possa adotar nas cidades de Remígio e Esperança uma postura que priorize operações apenas educativas por um bom período para que os cidadãos possam se ajustar às regras estabelecidas na Lei nº 9.503, de 23 setembro de 1997, contida no Código Nacional de Trânsito.

Segundo os deputados, a Polícia Militar, sem qualquer campanha educativa antecedente, vem realizando diversas operações nas duas cidades, culminando com diversas apreensões de motocicletas pertencentes aos trabalhadores que precisam se locomover para seus respectivos locais de trabalho. Além de inviabilizar os deslocamentos dos pais de família, o município enfrenta uma recessão gritante na sua economia, vez que integra uma região agrícola assolada pelos baixos índices de chuvas.

Os parlamentares se solidarizaram com os reclames dos trabalhadores e, de acordo com o previsto no artigo 14, inciso IV do Código Nacional de Trânsito, apelam para que seja adotada, em longo prazo, apenas campanhas educativas e quando repressivas apenas nos casos em que se configure crime previsto na legislação penal.

Além dessa situação constrangedora, diversos cidadãos reclamam da aplicação de multas expedidas pela Prefeitura Municipal de Remígio sem qualquer orientação quanto às regras estabelecidas no seu campo de atuação (solo).

Os parlamentares aguardam uma posição do Comandante Euller (Foto).
Marcílio Araújo com Rede Repórter.

2 comentários:

  1. quero ver eles irem no fórum para pedir os juízes que descumpram a lei, desde 1997 até hoje já se faz fiscalização educativa" nessas cidades, vão trabalhar bocado de deputado desocupado, deichem de politicagem e trabalhem para diminuição das taxas do licenciamento e ipva , que será melhor para a população e estado, ao invés de querer rasgar as leis de transito em prol de votos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo! Se ta errado, que paguem pelos seus erros. Trabalhar pra diminuir o licenciamento e ipva que sao um absurdo de tao caros nimguem quer...

      Excluir

Nosso colaborador

Nosso colaborador