Corpo de Bombeiros da Paraíba envia efetivo e equipamentos para resgate de vítimas das chuvas no Rio Grande do Sul - Portal Picuí Hoje

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Post Top Ad

segunda-feira 06 2024

Corpo de Bombeiros da Paraíba envia efetivo e equipamentos para resgate de vítimas das chuvas no Rio Grande do Sul

Equipe com 18 militares além de viaturas e equipamentos foram enviados — Foto: Divulgação/CBMPB.
O Corpo de Bombeiros Militar da Paraíba (CBMPB) enviou, nesta segunda-feira (6), uma equipe com 18 militares, além de equipamentos e viaturas para o Rio Grande do Sul para auxílio humanitário na região após as fortes chuvas que atingem o estado. Um total de 336 municípios gaúchos foram declarados como em estado de calamidade pública até esse domingo (5).

De acordo com informações do CBMPB, a previsão é de que as equipes, junto com as viaturas e equipamentos, cheguem ao estado gaúcho na noite de quinta-feira (9). Como os aeroportos do estado não estão recebendo voos, para não atrasar a ida na espera de uma localidade segura para o pouso, o efetivo já foi deslocado por terra.

Além da logística e efetivo enviados, também estão sendo mandados materiais operacionais para atender a ocorrência de desastres, sejam elas por estruturas colapsadas, soterramento, resgate de vítimas em enchentes e resgate de vítimas em áreas alagadas.

Confira o efetivo e a logística enviada para o estado gaúcho:

  • 2 viaturas tipo busca e salvamento;
  • 2 botes infláveis de salvamento;
  • 1 viatura para o transporte de canil;
  • 1 van para o transporte de (militares);
  • 2 binômios (cães Raja e Rana com dois militares condutores);
  • 16 militares (além dos dois condutores dos cães).

Situação de emergência

O governo do Rio Grande do Sul decretou estado de calamidade, situação que foi reconhecida pelo governo federal. Com isso, o estado fica apto a solicitar recursos federais para ações de defesa civil, como assistência humanitária, reconstrução de infraestruturas e restabelecimento de serviços essenciais.

A Defesa Civil (DCRS) colocou a maior parte das bacias hidrográficas do estado com risco de elevação das águas acima da cota de inundação.

Os meteorologistas afirmam que os temporais que ocorrem no estado são reflexo de, ao menos, três fenômenos que ocorrem na região, agravados pelas mudanças climáticas.
Imagem de drone mostra voluntários procurando por moradores isolados em Canoas, no Rio Grande do Sul, em 5 de maio de 2024 — Foto: REUTERS/Amanda Perobelli.
Portal Picuí Hoje com g1 PB.

Clique aqui e entre em contato com o Portal Picuí Hoje por meio do fone-whatsapp (83) 9-8150-1594
 Clique aqui e siga o Portal Picuí Hoje no Instagram.
 Clique aqui e siga o Portal Picuí Hoje no Facebook.
 E-mail: picuihoje@gmail.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário