Morre motorista de ônibus incendiado em João Pessoa - Portal Picuí Hoje

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Post Top Ad

domingo 30 2023

Morre motorista de ônibus incendiado em João Pessoa

Foto: Reprodução/TV Cabo Branco

O motorista do ônibus que foi incendiado no dia 18 deste mês em João Pessoa morreu por volta das 20h desse sábado (29). Silvano da Silva (foto) estava internado no Hospital de Emergência e Trauma de João Pessoa e não resistiu aos ferimentos. Ele teve 54% do corpo queimado durante o ataque criminoso.

Segundo a família da vítima, o velório se iniciou por volta das 13h deste domingo (30) em uma igreja no bairro Jaguaribe, e o sepultamento ocorreu às 16h no Cemitério do Cristo, na capital paraibana.

Vítima — Foto: Reprodução/Redes sociais.

Em nota, as empresas do Consórcio UNITRANS e a Transnacional lamentaram a morte do motorista Silvano Silva.

Relembre o caso

Na noite do dia 18 de julho dois homens armados invadiram o coletivo que faz a linha 600, entre os bairros de Bessa e Varadouro. Na ação, eles obrigaram o motorista e cinco passageiros a permanecerem no ônibus, atiraram garrafas com combustível e atearam fogo.

"Eles mandaram o pessoal correr para a parte de trás do ônibus, mas proibiram o motorista de abrir as portas, inclusive um deles deu uma coronhada na cabeça do motorista. Em seguida, desceram pela porta da frente e jogaram gasolina na porta antes de atear fogo em tudo", disse a capitã Marilyn, da Polícia Militar (PM).

A PM foi acionada e resgatou as três vítimas, que foram levadas para o Hospital de Emergência e Trauma de João Pessoa. As outras duas pessoas que estavam no ônibus conseguiram fugir antes que as chamas consumissem o veículo.

Entre os feridos estava uma passageira de 27 anos e um passageiro de 30 anos com ferimentos leves que tiveram alta do hospital ainda na madrugada do dia 19 de julho.

O motorista teve 54% do corpo queimado. Segundo o Hospital de Trauma, ele teve queimaduras no rosto, braços e tórax.

As chamas consumiram o ônibus em poucos minutos e o fogo também atingiu a rede de energia elétrica, deixando parte do bairro sem energia. A ação dos criminosos não ficou registrada em vídeo porque a câmera de segurança presente no coletivo não transmite imagens e foi destruída pelo fogo.

Suspeito preso

A Força-Tarefa de combate ao crime organizado do Sistema Único de Segurança Pública da Paraíba prendeu um dos suspeitos do ataque com incêndio a ônibus, no bairro do Padre Zé, em João Pessoa.

De acordo com a Polícia Federal (PF), o homem foi preso em flagrante, na noite da sexta-feira (28), por estar em posse do veículo utilizado no crime. O carro foi localizado no bairro do Mutirão, em Bayeux.

O suspeito, de 44 anos, é motorista de alternativo e foi conduzido para esclarecimentos ao ser identificado como proprietário do carro.

No veículo foi encontrado um galão com forte cheiro de combustível.

Após análise do aparelho celular e declaração do suspeito à polícia, foi confirmada a participação como motorista do veículo utilizado na ação criminosa.

O suspeito também estaria ligado a uma organização criminosa que atua no estado.

Após audiência de custódia, o preso foi solto, segundo a gerência do Fórum Criminal. Ele seria proprietário do veículo usado no crime, mas ainda não se sabe se ele participou do ataque ao ônibus.

Portal Picuí Hoje com g1 PB.

 Participe de um dos grupos do Whatsapp do Portal Picuí Hoje. Basta clicar em uma das opções abaixo:

Nenhum comentário:

Postar um comentário