Paraíba tem cerca de 40 mil crianças e adolescentes em situação de trabalho infantil - Portal Picuí Hoje

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Post Top Ad

segunda-feira 12 2023

Paraíba tem cerca de 40 mil crianças e adolescentes em situação de trabalho infantil


Pelo menos 39,6 mil crianças e adolescentes, entre 5 e 17 anos, vivendo em situação de trabalho infantil, na Paraíba. Os dados são da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (PNADC) do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), de 2019, e foram divulgados pelo Ministério Público do Trabalho (MPT) no Dia Mundial de Combate ao Trabalho Infantil.

Desse total, 11,4 mil (28,8%) vivem nas piores formas de trabalho infantil e 74,1% são negros (29,3 mil).

Em todo o Brasil, 1,8 milhão de crianças e adolescentes com idades entre 5 e 17 anos estão em situação de trabalho infantil. Desses, 706 mil (45,9%) estavam em ocupações consideradas como piores formas de trabalho infantil. Das crianças e adolescentes que trabalham, 66,1% são pretas ou pardas, o que evidencia o racismo como causa estruturante desta grave violação de direitos.

O dia 12 de junho, Dia Mundial contra o Trabalho Infantil, foi instituído pela Organização Internacional do Trabalho (OIT) em 2002, ano da apresentação do primeiro relatório global sobre o trabalho infantil na Conferência Internacional do Trabalho.

Desde 2002, a OIT convoca a sociedade, os trabalhadores, os empregadores e os governos do mundo todo a se mobilizarem contra o trabalho infantil. Para marcar a data, todos os anos há campanhas de sensibilização e mobilização da população. No Brasil, o 12 de junho foi instituído como Dia Nacional de Combate ao Trabalho Infantil pela Lei Nº 11.542/2007.

De acordo com o MPT, os números divulgados podem ser ainda maiores, pois retratam um cenário antes da pandemia e não consideram pelo menos duas piores formas: o trabalho infantil no tráfico de drogas e a exploração sexual.

Foto: Reprodução/TV TEM.
Portal Picuí Hoje com g1 PB.

Nenhum comentário:

Postar um comentário