Lula abre espaço na campanha e revela que chora assistindo a novela Pantanal - Portal Picuí Hoje

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Post Top Ad

Lula abre espaço na campanha e revela que chora assistindo a novela Pantanal

Em ato público em Teresina, no Estado do Piauí, o candidato a presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) declarou sua torcida para Maria Bruaca (Isabel Teixeira) em “Pantanal” (Globo), e contou que chora com o drama da personagem.

“Fiquei com uma raiva desgraçada quando aquele Tenório (Murilo Benício) expulsou de casa a mulher dele. Se estivesse lá, teria dado um cascudo nele”, disse no palanque de Teresina, nessa quarta (3).

Em meio a discurso eleitoral “paz e amor”, Lula pediu desculpa pelo “adiantado da hora” e reclamou por estar perdendo o capítulo de “Pantanal”, assim como a multidão que lotou o espaço Arena do Povo.

Segundo os organizadores, cerca de 40 mil pessoas ouviram o petista.

Para Lula, a Bruaca vai voltar para casa e deve dar uma lição no marido. “Não precisa matar, não precisa atirar. Mas precisa dar uma lição naquele machista sem vergonha que não respeitou a mulher com quem viveu 30 anos”, disse.

O petista chegou a ouvir um alerta da mulher, Rosângela da Silva, a Janja, por estar usando o apelido pejorativo da personagem. Mas, para ele, não é ofensa. “Nós gostamos da Bruaca, só quem não gosta é o Tenório”.

O candidato contou que chora com a história da personagem.

Chamado de “bruaquer” nas redes sociais, onde repetiu as afirmações sobre “Pantanal”, Lula entrou na brincadeira.

“Presidente, não é raiva. É reiva”, escreveu um seguidor no Twitter. “Ara”, respondeu o petista. “Tá assistindo Globo agora?”, questionou outro. “Se o Lula está com a Mary Bru, quem estará contra ela?”, perguntou um fã da personagem.

Teve também reações não tão humoradas. “É só ver no Globoplay, bobão”, disse um desses seguidores. “Eita , como sabe fazer populismo barato”, criticou outro.

Os atores Jesuíta Barbosa (Jove) e Irandhir Santos (Joventino) compartilharam nos stories do Instagram a fala “pantaneira” de Lula.

Portal Picuí Hoje com informações de Cristina Camargo/Folhapress.