Operação policial é deflagrada em Picuí e Baraúna [VÍDEO] - Portal Picuí Hoje

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

test banner ______________________________________________________________test banner

Operação policial é deflagrada em Picuí e Baraúna [VÍDEO]

A Polícia Civil da Paraíba (PC-PB), por meio do Núcleo de Homicídios/Grupo Tático Especial (GTE) da Décima Terceira Delegacia Seccional (13ª DSPC), sediada em 
Picuí, Seridó paraibano, com apoio do Nono Batalhão de Polícia Militar da Paraíba (9º BPM-PB) e dos GTEs da 12ª e 23ª DSPC, deflagrou na manhã desta quinta-feira (24) a "Operação Decretum", com o objetivo de dar cumprimento a 5 mandados de prisão e 5 mandados de busca domiciliar, contra integrantes de facção criminosa responsável pela cruel execução de Marcos Cassiano dos Santos, conhecido como "Nelsinho", ocorrido no dia 18 de maio de 2020, no município de Baraúna, Seridó paraibano, e pelo comando do tráfico de drogas na região de Picuí.

De acordo com informações policiais, a vítima era usuária de drogas, e por questões relativas ao tráfico, foi "decretado" [pela facção criminosa] ordem de execução que partiu de dentro de um presídio de João Pessoa, onde estava recolhido o “líder” desse grupo criminoso, e cumprida pelos seus integrantes que estavam na rua. Consta na investigação que Nelsinho foi executado dentro da residência de uma das pessoas presas na operação de forma truculenta e depois jogada em um matagal com uma faca encravada no pescoço.

Ainda de acordo com as informações, como fruto da operação foram presas 4 pessoas, sendo 3 homens e 1 mulher, acusados de terem participado do referido homicídio e comandarem o tráfico de drogas em Picuí e Baraúna.

Após dois anos de investigação, o Núcleo de Homicídios conseguiu esclarecer o homicídio. Apesar do tempo, a PC-PB jamais esqueceu do crime e continuou a investigar incansavelmente para elucidar, identificar e prender os acusados desse bárbaro crime.

Novas ações estão sendo planejadas para reprimir a violência letal intencional e a criminalidade organizada na área da 13ª DSPC.