Justiça determina soltura de fazendeiro preso por ameaçar dar um tiro em Lula - Portal Picuí Hoje

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Post Top Ad

sábado 05 2023

Justiça determina soltura de fazendeiro preso por ameaçar dar um tiro em Lula

Arilson Strapasson, fazendeiro que ameaçou o presidente Lula — Foto: Reprodução.

A Justiça Federal determinou a soltura do fazendeiro preso na última quinta-feira (3) pela Polícia Federal (PF) em Santarém, no estado do Pará, por ameaças contra o presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT).

Arilson Strapasson irá responder em liberdade pelo crime de ameaça e está impedido por 10 dias de se aproximar de Alter do Chão, um dos distritos de Santarém. A decisão foi proferida no final da tarde de sexta-feira (4).

De acordo com o advogado Fábio Dutra, devido ao horário da elaboração do documento, a soltura de seu cliente teria ficado prevista para a manhã deste sábado (5).

A juíza Mônica Guimarães, da 2ª Vara Federal de Santarém, entendeu que não houve irregularidades na prisão em flagrante, mas determinou que o fazendeiro responda em liberdade sem a necessidade de pagamento de fiança.

Inicialmente, havia sido imposta uma fiança equivalente a 100 salários mínimos para sua liberação.

Segundo a investigação policial, as ameaças foram feitas na quarta-feira (2) em uma distribuidora de bebidas.

"O homem teria dito que daria um tiro na barriga do presidente e perguntado aos presentes se sabiam onde ele se hospedaria quando fosse ao município", informou a PF em nota.

O suspeito foi acusado dos crimes de ameaça e incitação, ou preparo de atentado contra pessoa por motivos políticos. A juíza Mônica Guimarães manteve apenas a acusação por ameaça.

Portal Picuí Hoje com CNN Brasil.

Nenhum comentário:

Postar um comentário