Dilma se reúne com Vladimir Putin na Rússia - Portal Picuí Hoje

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Post Top Ad

quarta-feira 26 2023

Dilma se reúne com Vladimir Putin na Rússia

Foto: Reprodução/Reuters.

Nessa quarta-feira (26), Dilma Rousseff (PT), ex-presidente da República e atual presidente do banco dos Brics,  se reuniu com o presidente da Rússia, Vladmir Putin, em São Petesburgo, na Rússia.

O encontro ocorreu após o início das atividades de um encontro de líderes da Rússia e de países da África.

Em nota divulgada por Dilma nas redes sociais, foi esclarecido que o banco conhecido como Banco do Brics (NDB), do qual ela é a presidente, não considerará novos projetos na Rússia devido às sanções relacionadas à guerra com a Ucrânia.

O banco opera de acordo com as restrições aplicáveis nos mercados financeiros internacionais.

Reunião entre Rússia e países africanos

A reunião de Vladmir Putin com chefes de Estado africanos, conforme comunicado divulgado pelo governo da Rússia, visa a assinatura de acordos nas áreas comercial, econômica, humanitária e científica.

O presidente Putin encontrou-se com Abiy Ahmed, o primeiro-ministro da Etiópia, que venceu o Nobel da Paz em 2019.

Dilma e presidente da África do Sul

Além disso, Dilma também terá uma reunião bilateral com o presidente da África do Sul, Cyril Ramaphosa, para discutir a próxima cúpula do Brics, que está agendada para ocorrer entre os dias 22 e 24 de agosto deste ano, no país africano.

Putin não estará na cúpula dos Brics

Putin não vai participar de cúpula dos Brics, que deve acontecer em agosto. O grupo visa negociar tratados de comércio e cooperação com o objetivo em aumentar seu crescimento econômico.

Juízes do Tribunal Penal Internacional (TPI) em Haia emitiram em março mandados de prisão ao presidente russo e para a Comissária para os Direitos da Criança da Rússia, Alekseyevna Lvova-Belova, por crimes de guerra em áreas ocupadas na Ucrânia.

O governo sul-africano, por ser signatário do TPI, seria obrigado a prender Putin caso ele entrasse em solo nacional.

A ausência de Putin na reunião representa uma derrota para o presidente russo, pois confirma que seus direitos foram restringidos e ele perdeu a liberdade de viajar livremente para fora de seu país. Como resultado, Putin será representado pelo chanceler Sergei Lavrov.

Portalm Picuí Hoje com g1 PB.

Nenhum comentário:

Postar um comentário