Pelas mãos de Charles? blogueiro prevê adesão de oposicionistas à RC - Portal Picuí Hoje - O seu portal de notícias

O PORTAL DE NOTÍCIAS DE PICUÍ E REGIÃO

quinta-feira, 22 de fevereiro de 2018

Pelas mãos de Charles? blogueiro prevê adesão de oposicionistas à RC


Em artigo publicado nesta última quinta-feira (22), o blogueiro Dema Macedo prevê uma adesão de oposicionistas ao projeto político do governador Ricardo Coutinho (PSB) pelas mãos de aliados no Curimataú e Seridó paraibano. Numa tentativa de desqualificar a liderança do deputado Buba Germano (PSB), a publicação enaltece novas lideranças da região e minimiza a atuação de Buba em prol do seu bloco político.


O blog, no entanto, esquece que, enquanto nomes que integram o grupo das ‘novas lideranças’ apoiavam o projeto político do ex-prefeito de Cuité, Bado (PSL), à Assembleia Legislativa, no ano de 2010, foi Buba ao lado do ex-prefeito de São Vicente do Seridó, Chico Berto (DEM), os únicos que tiveram coragem de abraçar o projeto que para muitos “não passava do Rio Sanhauá”.

Após RC ser eleito com um número mínimo de prefeitos na região, foi Buba o responsável pela ascensão do governador no Curimataú e Seridó, ampliando sua base de 2 para 10 prefeitos, sendo dois correligionários históricos do PMDB (Dudu de Cubati e Alysson Azevedo, de Baraúna), além da prefeita Graciete Dantas (PSB), da cidade de São Vicente do Seridó, a qual deixou o seu partido, o DEM, para se filiar à legenda dos girassóis.

Graças à articulação de Buba, hoje o partido do governador Ricardo Coutinho conta com 7 dos 10 prefeitos aliados, o que torna a região a maior na Paraíba em número de prefeitos do mesmo partido, proporcionalmente. Enquanto isso, em vez de ampliar e, ao menos manter sua vaga no Legislativo Municipal, na cidade de Cuité o PSB atrofiou e sofreu um processo de esvaziamento.

É certo, e é uma postura correta, que o deputado Buba não tem tratado com reciprocidade os ataques que vem sofrendo do fogo amigo, com notícias financiadas para passar para a opinião pública um atrito que não existe, até porque, como auxiliar do governo, Buba não pode levar esse desgaste ao chefe do Executivo Estadual. Porém, no momento certo, juntamente com sua base de aliados entrará em campo mostrando quem verdadeiramente tem feito pela região.

Quanto a adesão de adversários ao projeto do governador Ricardo Coutinho, Buba já deu sua opinião em recente entrevista e disse que não será nenhum obstáculo. “Eu não serei nenhum obstáculo e nem obrigado a estar no mesmo palanque. Preserva-se as diferenças administrativas, mas o estado está acima de querela política paroquial”- disse.

Nenhum comentário:

Postar um comentário