Prefeito do PT de Picuí não reajusta salários dos professores como manda a lei e gera grande revolta na categoria - Portal Picuí Hoje - O seu portal de notícias

O PORTAL DE NOTÍCIAS DE PICUÍ E REGIÃO

ANÚNCIOS SENSÍVEIS

EM BREVE NOVIDADES AQUI

domingo, 2 de abril de 2017

Prefeito do PT de Picuí não reajusta salários dos professores como manda a lei e gera grande revolta na categoria


Domingo, 02 de Abril de 2017

 “Quem tem telhado de vidro, hoje, não pode mais atirar pedra no do vizinho, como fazia antes, descendo o “cacete” na administração do ex-prefeito, Acácio Araújo Dantas”. É assim que, se pronunciam revoltados, com a atual gestão “política” de Picuí, no Seridó Paraibano, os professores da rede municipal de ensino daquela município, ao falarem com nossa reportagem, na manhã deste domingo" Escreveu Araújo Neto.

 O alarido por parte dos docentes, contra o mandatário-maior do lugar, Olivânio Remígio (PT), É , maior do que se pensa.Os educadores (maioria – 90 % votaram nele (Olivânio), todos concursados, estão uns “araras’ com o atual gestor. Tudo, pelo fato de que, “até agora o “senhor” prefeito só no campo da falácia e muita besteira, vem nos enganando.

 Todos os dias, vai às emissoras de rádio, gastando nosso dinheiro, conversar “sandices inomináveis”. Tem mais, atacando ao deputado “Buba Germano”, e os vereadores de sua “base política”, por motivos que não adiantam a gente e à cidade, e, esquece de resolver os nossos problemas”, desabafou uma das professoras que, pediu para não ser identificada com medo de represália por parte do prefeito.

 Já, um outro professor prejudicado, chegou a dizer que, “olhe prefeito, já é hora de “desarmar” o palanque, e solucionar os graves problemas do município, notadamente, o nosso. É hora, a campanha já passou, pare de fazer política, nossos habitantes já não agüentam mais. Bote seu povo que estar agora, muitos, com um “gordo” e saudável “pinica-paus” para trabalhar. A cidade precisa de um político para fazer alguma coisa por ela, não para viver nas rádios “brigando” com seus adversários. Assim, não dar mesmo”, expressou-se, o profissional da educação.

 REVOLTA Para os leitores, que, ainda não sabem, toda essa inquietação é pelo fato de que, o prefeito, “Olivânio do PT”, não concedeu à classe de professores o reajuste salarial, prometido por ele, se comparando ao piso nacional, “já que, foi uma promessa dele (Olivânio) de campanha, em cima dos palanques. E, é porque, esse cidadão é professor. Cadê a valorização aos seus colegas prefeito que, confiaram em sua proposta (mentirosa) de campanha, hein ?!”, indaga a professora revoltada.

 A categoria, alega que, “ninguém agüenta mais, tanta enrolação por parte do prefeito. O reajuste do piso em nível nacional foi de 7,6 por cento, aprovado em janeiro. Ele garantiu acompanhá-lo, e pagar a gente. Até agora nada. Mentiu. Estamos nos organizando para entrar em greve geral por tempo indeterminado e, só voltarmos à sala-de-aula, quando ele, nos pagar o piso de acordo como manda à lei”, desabafou a docente.

Para conhecer mais sobre o Jornalista Araújo Neto CLIQUE AQUI


Portal Picuí Hoje com Jornalista e Radialista Araújo Neto.

ANÚNCIOS SENSÍVEIS

ANUNCIE COM O PORTAL PICUÍ HOJE